Lanches, Pratos principais, Receitas, Sem glúten
comentários 26

Panqueca salgada de milho

Panquecas sempre quebram um galho na hora da fome e da correria. São fáceis e rápidas de fazer, basta misturar todos os ingredientes e levar para a frigideira. Simples assim! Ainda mais essa do tipo americana, que não leva recheio, uma coisa a menos pra resolver hahaha. A textura não é lisa como das panquecas doces porque leva milho cozido na massa, que dá sabor e graça nessa preparação.

O milho que usei foi o fresco, comprei a espiga na feira e cozinhei e debulhei em casa. Usei cerca de 3 espigas pequenas para dar 1 xícara de milho. É claro que para ser mais prático você pode usar o milho congelado vendido na seção de refrigerados do supermercado, basta cozinhar por alguns minutos antes de adicionar na massa. A única opção que não indico muito é o milho enlatado, por conter muito sódio. Mas é claro, isso depende muito da marca. Na dúvida é só ler o rótulo.

Para uma versão sem glúten, basta usar farinha de aveia e fermento químico sem essa proteína. Ambos naturalmente não contém, porém a maioria das marcas acabam tendo por contaminação cruzada na hora de processá-los.

Você pode servir esta panqueca acompanhada de legumes e verduras frescas a gosto num almoço ou jantar. Eu servi com brócolis comum ligeiramente refogado com azeite e pimenta biquinho fresca 😋

Você vai precisar de…
Milho verde cozido – 1 xícara (170 g)
Farinha de aveia – 1 xícara (115 g)
Inhame cru – 1 pequeno (85 g)
Água – 1/2 xícara (125 ml)
Azeite de oliva – 1 colher de sopa (15 ml)
Salsinha fresca picada – a gosto (usei cerca de 1 colher de sopa)
Fermento químico em pó – 1 colher de chá (5 g)
Sal – 1/2 colher de chá (3 g)
Óleo vegetal – o suficiente para untar a frigideira

Como fazer…
1- Descasque o inhame e corte em pedaços pequenos. Coloque no liquidificador juntamente com a água e o azeite de oliva. Bata bem até ficar homogêneo.
2- Transfira a mistura do inhame cru para um recipiente e adicione o milho, a farinha de aveia, o sal e a salsinha. Misture bem.
3- Adicione o fermento e misture delicadamente até incorporar na massa.
4- Aqueça uma frigideira antiaderente em fogo médio. Unte com um pouco de óleo e despeje uma porção da massa. Espalhe até formar uma camada de espessura uniforme, não faça muito grosso para não correr o perigo de ficar cru por dentro. Frite até dourar e desgrudar da frigideira, vire e cozinhe do outro lado. Repita este processo com o restante da massa. Sirva ainda quente.

Rendimento: 5 panquecas pequenas

  1. Suely says

    ola Andre, acabei de descobrir seu blog e pelo que vi estaremos juntos com muita frequência. vou experimentar esta receita de panqueca e depois comento como foi em casa. Obrigada por compartilhar.

    • André says

      Oi Suely! Oba! Espero que você goste das receitas do blog. Me conta depois o que achou dessa panqueca 😉 Abraços!

  2. Camila says

    Oi André, descobri seu blog há poucos dias e estou “devorando” tudo rs. Receitas ótimas, praticas e ensinadas de forma clara e objetiva. Parabéns! Estou doida para adquirir seu livro. Não pare este trabalho fantástico! Abs, Camila (Campinas-SP)

    • André says

      Oi Camila! Fico feliz em saber que tenha gostado do blog e das receitas 😀 Muito obrigado querida! Espero que goste do livro também. Abraços!

    • André says

      Oi Vivi! Eu indico você fazer com milho congelado ou com milho in natura cozido e debulhado. Porém, pode ser feito sim com milho enlatado, só indico lavar ele em água corrente para tirar o excesso de sódio. Abraços!

  3. Tailiza says

    Oi André! maravilhoso como sempre… como posso substituir o inhame?
    beijos…

    • André says

      Oi Tailiza! Que bom que gostou 😀 Talvez dê certo com mandioca cozida, nunca tentei, mas acredito que dê certo também. Se fizer me avisa como ficou 😉 Abraços!

  4. JoW Lee says

    Oi, André. Que site incrível… cheio de coisas lindas, feitas com muito carinho e muito sabor.

    Te descobri hoje, mas mal posso esperar tô pra correr pro supermercado e testar uma pá de receitas que você postou.

    Beijos e parabéns pelo bom gosto (tanto as receitas quanto o layout e a comunicação visual incrível). Já estás entre os meus favoritos.

    Abraços

    • André says

      Oi Jow! Fico muito feliz em saber que tenha gostado do site 😀 Espero que você goste das receitas também. Muito obrigado pelo elogio querida, sua mensagem é muito inspiradora 😉 Abraços!

  5. fiz hoje, ficou maravilhosa! agradeço pela receita 🙂
    o único problema foi ter ficado meio quebradiça. na hora que eu virava a panqueca para fritar o outro lado, quebrava na metade. você sabe do que pode ser?

    • André says

      Oi Fabíola! Que bom que você gostou da receita 😀 Poxa, que pena que quebrava na hora de virar. Você deixou ela fritar bem até ficar dourada de um lado? Quem sabe você deixou pouco tempo. Não sei te dizer ao certo, as minhas ficaram bem firmes, não se desmancharam. Espero que dê certo na próxima vez 😉 Abraços!

    • André says

      Oi Thiago! Nunca tentei congelar, então não sei te dizer ao certo se rola, mas acredito que sim. Se tentar congelar me avisa como ficou 😉 Abraços!

    • André says

      Que bom que você gostou da receita Cristiane! 😉 Abraços!

    • André says

      Oi Joelma! O inhame é cru mesmo, ele cozinha depois quando a massa é colocada na frigideira. Abraços!

  6. Lays says

    Mais uma pra minha listinha: “experimentar” 🙂
    Pensei em talvez bater uma parte do milho com a massa. Será que fica bom?
    Depois que eu fizer venho aqui e te conto!

    • André says

      Oi Lays! Acho que vai ficar ótimo também com uma parte do milho batida com a massa. Isso me conta depois como ficou 😉 Espero que goste. Abraços!

    • André says

      Oi Fabíola! Não precisa cozinhar o inhame, eu usei ele cru mesmo. Depois que a massa vai pra frigideira acaba sendo cozido. Abraços!

    • André says

      Oi Bia! Fico feliz em saber que você gosta do blog e das receitas 😀 Abraços!

  7. Maria says

    André… ” Como o mundo é maravilhoso agora que você existe”

    • André says

      Oi Maria! Uau, fico muito feliz com sua mensagem. Muito obrigado pela dose de inspiração 😉 Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *