Todos os posts arquivados em: Sobremesas

Torta de chocolate (sem açúcar)

Eu já publiquei várias receitas diferentonas aqui no blog, mas acho que esta ganha de todas. Antes de fazer cara feia deixa eu defender minha opinião sobre como esta torta é gostosa. Pode ser que você não goste mesmo, mas pelo menos tentei hahaha. Quem acompanha o blog a algum tempo já deve ter visto uma receita de musse de chocolate que fiz com avocado (pode ser substituído por abacate). Receita bastante popular entre os crudívoros, aqueles que tem uma alimentação baseada em alimentos não cozidos.

Brownie de castanha de baru

Há uma castanha brasileira típica do cerrado que não tem tanta fama como a castanha do Pará e de caju, mas é tão gostosa quanto as outras de sua família. É a castanha de baru, um tipo de amêndoa oleaginosa de coloração castanho, extraída da árvore baru. Recentemente ela vem sendo produzida e comercializada em maior escala devido ao seu valor nutricional, podendo ser encontrada com facilidade em lojas de produtos naturais e empórios. A Monama, marca de produtos naturais orgânicos que eu gosto bastante, tem em sua linha de produtos a castanha de baru torrada sem sal. É possível comprar até pela internet, no site da marca, caso você não encontre em lojas físicas.

Musse de chocolate

Essa receita de musse é certamente a mais fácil de todas que eu já fiz. E com certeza é a mais saudável. Esqueça aquela receita tradicional que leva ovos, açúcar refinado e creme de leite. Essa aqui é bem diferente e alternativa. O ingrediente base, que vai dar cremosidade e consistência perfeita ao musse, é o avocado. Sim! É o fruto mesmo! Sem preconceito por favor. Não acha avocado pra comprar? Tudo bem, pode utilizar seu priminho mais comum aqui no Brasil, o abacate. Testei essa receita com ele também e fica muito gostoso.

Pudim de tapioca com coco

A receita de hoje é tão simples e fácil de fazer que nem preciso me enrolar muito por aqui. Esse pudim de tapioca com coco, também conhecido como cuscuz, vai te surpreender em vários sentidos, a começar pelo seu sabor inigualável! Com uma combinação de ingredientes bem brasileiros (tapioca, coco e açúcar demerara), ele fica com uma textura bem macia e levemente grudenta por causa da tapioca.

Um ano e um bolo pelado (ui que malcriado!) para comemorar

Nesse final de semana, pra ser mais exato no dia 16, sábado, o blog completou 1 aninho de vida. O meu bebe tá virando mocinho, que orgulho hehehe. O que começou de forma despretensiosa e tímido, acabou crescendo e conquistando novos leitores. A cada semana recebo e-mails, comentários nos posts, no Facebook e no Instagram de queridos leitores e leitoras elogiando o blog. Fico imensamente feliz e grato por todo o carinho de vocês. É muito motivador receber comentários assim, houve momentos no ano passado que pensei em desistir, mas foi graças a esses comentários que segui em frente. Vocês alimentam meu espírito ♥

Bolo de cenoura

Semana passada publiquei aqui no blog uma pesquisa para saber a opinião de vocês sobre o blog para melhorá-lo. Eu sei que responder questionário não é nem um pouco legal, mas graças as respostas de vocês (que aliás foram mais de 300) vou conseguir melhorar Tempero Alternativo. Muitíssimo obrigado a todos que tiveram paciência e responderam com muito amor e carinho, em breve novidades irão surgir por aqui 😉

Bombom de chocolate com coco

Tenho o costume de comer um ou dois quadradinhos da barra de chocolate depois do almoço. Sou daquele tipo de pessoa que gosta de comer algum docinho depois do salgado pra fechar a refeição. Digo docinho, porque o chocolate que consumo é meio amargo, geralmente com 70% de cacau. Então não é lá doce, e sim de meio amargo

Musse de jabuticaba

Janeiro, fevereiro, agosto e setembro são os meses em que as jabuticabeiras ficam com seus troncos e galhos repletos de jabuticabas. Eu amo essa frutinha redonda de polpa doce e caroço azedinho. Essa maravilha típica da Mata Atlântica só existe no Brasil, se você não tem acesso a ela, pode muito bem substituir por outra fruta na receita, como uva.

Torta sorvete de morango

Quem nunca comeu sorvete no inverno que atire a primeira pedra! Essa maravilha cai bem em qualquer época do ano, é óbvio que no verão o consumo é mais frequente, mas quem disse que não pode comer no inverno também!? Dizem que tomar sorvete no inverno faz mal, que da gripe e dor de garganta, mas isso não passa de um mito. Então partiu aproveitar a época do morango que está apenas começando e fazer essa torta supimpa que derrete na boca.