Todos os posts arquivados em: Receitas

Farofa de castanha

Acompanhamento clássico na ceia de Natal brasileira, a farofa é daqueles pratos que tem muitas vantagens. É fácil de fazer, leva poucos ingredientes, rende bastante, é servida em temperatura ambiente e pode ser preparada com antecedência, o que é perfeito para a correria dessa época do ano. Isso sem contar do seu sabor maravilhoso e crocância irresistível, que agrada a família toda.

Salpicão vegano

E num piscar de olhos chega aquela época do ano de planejar a ceia de Natal. A partir dessa semana vou publicar aqui no blog algumas receitas para fazer e compartilhar com a família toda. Começo pelo prato mais brasuca e tradicional que existe nas ceias em terras tupiniquins, o salpicão. Conhecido pela mistura de carne branca, legumes, frutas e maionese, geralmente é servido frio como acompanhamento.

Como fazer maionese sem ovos (vegana)

Queridinha de muitas pessoas, a maionese é daqueles molhos que vai bem em quase tudo, no sanduíche,  no hambúrguer, no salpicão, no pão de alho e na salada de batata. Por ter sabor suave é bem versátil, instantaneamente deixa qualquer preparação mais cremosa e suculenta. Acontece que muita gente acha que é difícil de fazer ou tem medo de errar. E acaba cometendo o erro de comprar as industrializadas.

Como fazer massa de panqueca (com opção sem glúten)

Panquecas são uma ótima opção para quem quer uma refeição caseira mas não tem muito tempo para cozinhar. Além de ficarem prontas em poucos minutos são super fáceis de fazer. Compartilho aqui duas receitas de massa básica neutra, que podem ser servidas com recheio doce ou salgado. Ambas não levam leite e nem ovo, perfeitas para intolerantes. Mesmo sem esses ingredientes elas ficam bem macias e elásticas.

Moqueca de caju + chá de hibisco com caju

Entre os meses de agosto e novembro acontece a safra do cajueiro, planta tropical nativa do Brasil. Dele se extraí a castanha de caju, o legítimo fruto. Sim, a castanha é na realidade o fruto! 😱 Fiquei chocado quando descobri isso. Já o caju, a parte alaranjada ou avermelhada de polpa carnosa e suculenta é o pedúnculo, riquíssimo em vitamina C, cálcio, ferro e fósforo (fonte: Cerratinga).

Biscoito de polvilho vegano

Não tem snack mais brasileiro que biscoito de polvilho, não é? Super crocante e leve é impossível parar de comer depois da primeira mordida. Com pequenas adaptações é possível fazer uma versão vegana bem satisfatória, ninguém vai dizer que não leva ovo ou leite. É um ótimo snack para alérgicos e intolerantes, já que não tem glúten e nem lactose. Além de ser perfeito pra levar na bolsa e comer entre as refeições quando bate aquela fome fora de casa.