Café da manhã, Como, Destaque inicial, Receitas
comentários 44

Como fazer pasta de amendoim

Você já deve ter notado que comprar pasta de amendoim pronta no supermercado não é nada barato. Ainda mais as integrais, que pra mim são as melhores, porque não contém nenhum aditivo químico e conservante, só tem amendoim e mais nada. Um potinho de 350g pode custar cerca de R$ 15,90. Não entendo porque é tão caro, sendo que o amendoim é uma oleaginosa bem barato.

Se você é fissurado tanto quanto eu em pasta de amendoim, saiba que é possível fazer em casa de um jeito bem simples e barato. E o melhor de tudo, não requer muitos ingredientes e utensílios de cozinha. Ô maravilha, vai ter pouca louça suja pra lavar! Hahaha.

Porém, sim, tem um porém nessa história, é preciso ter um pouco de paciência pra fazer. Isso porque o amendoim vai começar a grudar nas laterais do processador ou liquidificador, e vai ser necessário ficar desligando algumas vezes para desgrudar. Mas isso não é nada demais quando o amendoim, aquela coisinha seca mesmo, começar a se transformar numa pasta super cremosa. É sério, PARECE MÁGICA! Hahaha.

Amendoim

Uma dica que dou pra você, não faça a mesma burrada que eu e compre amendoim já descascado. Isso vai facilitar um monte sua vida. Você pode utilizar amendoim torrado ou não, dá pra fazer com os dois. Além do amendoim, adicionei uma pitada de sal para realçar o sabor, óleo vegetal para dar uma cremosidade extra e um tiquinho de açúcar mascavo para adoçar. Tudo isso é opcional, você é quem decide se vai querer usar ou não.

Processador-pasta-amendoim

Como eu disse, tenha paciência. No começo pode parecer que o amendoim não vai se transformar em pasta cremosa, mas com o tempo a mágica acontecerá diante de seus olhos hahaha. Se você achar que a pasta ficou líquida demais, não se preocupe, ao levar à geladeira irá ficar mais consistente, mas sem perder a cremosidade. Ah, como a coisa aqui é caseira, a pasta de amendoim não vai ficar lisinha que nem as industrializadas, mas vai ficar gostosa do mesmo jeito.

Pasta de amendoim pronta.

como-fazer-pasta-de-amendoim

 

 

 

 

 

Fica
muito
cremoso!

 

 

 

 

 

Você vai precisar de…

Amendoim – 2 xícaras = 300g (torrado ou não)
Óleo vegetal – 2 colheres de sopa (opcional)
Açúcar mascavo – 2 colheres de sopa (opcional)
Pitada de sal (opcional)

Como fazer…

1- Coloque os amendoins em uma assadeira e leve ao forno preaquecido a 180°C por cerca de 10 minutos. Mexa eles no meio do tempo para assarem por inteiro. Essa etapa é opcional, mas assar o amendoim intensifica o seu sabor, facilita na hora de descascar, e derrete seu óleo, facilitando na hora de triturar.
2- Retire do forno e deixe esfriarem um pouco antes de descascar, caso esteja usando com casca. Caso contrário, pule para a próxima etapa 4.
3- Coloque os amendoins em um pano de prato e esfregue para que as cascas se soltem com facilidade. Não precisa tirar toda a casca, mas quanto mais tirar melhor.
4- Transfira o amendoim ainda morno para um processador (mais indicado) ou liquidificador. Triture em potencia máxima.
5- O amendoim vai virar uma farofa e depois irá começar a grudar nas paredes do processador. Pare de bater de vez em quando para soltar a mistura das paredes e do fundo.
6- Repita esse processo algumas vezes, até que o amendoim comece a soltar o óleo e se transformar em pasta cremosa. Tenha paciência, isso pode levar uns 10 minutos. Quanto mais você bater, mais lisinha a pasta irá ficar.
7- Adicione o óleo vegetal, o açúcar e uma pitada de sal. Bata novamente até misturar os ingredientes.
8- Transfira a pasta para um recipiente com tampa e armazene na geladeira.

Essa receita rende aproximadamente 3/4 de xícara de pasta de amendoim.

A pasta dura em média de 2 semanas se bem conservado na geladeira.

pasta

pasta de amendoim como fazer

bom apetite

  1. Fernando says

    Oi André, qual a marca e modelo do seu processador. Estou pesquisando um bom para comprar e gostaria da sua opinião. Obrigado

    • André says

      Oi Fernando! Eu uso o multiprocessador da Arno, modelo Store Inn (já saiu de linha), potência 700w. Ele é daqueles com várias funções, o liquidificador eu não gosto, mas o processador é muito bom. Indico você procurar algum com 700 watts de potência para ter um melhor resultado, caso queria fazer pastas e manteigas vegetais. De nada e abraços!

  2. Pacheco says

    Fiz só com amendoim, ficou muito bom! bom o blog, continue!

    • André says

      Oi Pacheco! Que bom que você gostou da pasta de amendoim. Fico feliz em saber que tenha gostado do blog 😀 Abraços!

  3. Orquidea Cardoso says

    Olá!
    Só agora descobri este blog e parece-me bastante interessante,
    Gostaria que,se possível me ensinasse a fazer manteiga e creme de avelã e Nutella caseira, para que possa substituir a margarina vegetal (neste caso Becel) que uso para barrar o pão .
    Obrigada.

  4. Giselle says

    Oi André, tudo bem?
    O amendoim não precisa ficar de molho antes de assá-lo, assim como faz com as castanhas?
    Obrigada e parabéns pelo blog!

    • André says

      Oi Giselle! Tudo bem sim, e com você? Não precisa não. Na real se for colocar de molho ele vai hidratar muito e não vai virar pasta. Agora para fazer leite de amendoim é necessário colocar de molho, assim como as castanhas. De nada e abraços!

  5. Bruno says

    Ola. Tentei fazer no meu liquidificador, um arno clic pro 600w, mas apos os graos virarem farinha eles acumulam nas bordas do copo e perdem o contato com a lâmina que fica girando no vazio. Alguma sugestão para este caso além de comprar um mini processador? Será que se moer maiores quantidades (adicionando poucos gramas por vez) faria funcionar? Grato pela postagem.

    • André says

      Oi Bruno! É bem comum acontecer isso de grudar nas bordas, por isso que sempre indico desligar de vez em quando e raspar com uma colher. É um processo chato e trabalhoso, mas que na maioria dos casos resolve o problema. Ajuda um pouco processar uma quantidade maior de amendoim, já que o seu próprio peso ajuda a desgrudar das bordas e processar. O que mais indico é usar um processador mesmo, com ele não gruda tanto nas bordas e é mais fácil de ficar raspando. Espero que você consiga. Abraços!

  6. Oi andré, adorei seu blog e fiz algumas receitas que ficaram maravilhosas, hoje vim ver se tinha uma de kibe e infelizmente não encontrei, então fica o pedido? faz um kibe com um recheio maravilhoso a sua escolha, e meus parabéns pelo blog!

    • André says

      Oi Sandra! Fico feliz em saber que você gostou de algumas receitas 😀 Eu estava pensando em fazer kibe na semana passada mesmo hahaha que coincidência ein. Devo fazer em breve e publicar aqui, obrigado pela dica querida 😉 Abraços!

  7. Cristian Rocha says

    ola meu brother !!
    sempre faco minha própria pasta de amendoim para usá-la no café da manhä. Como não tenho muito tempo devido a correria do dia a dia, já compro o amendoim triturado e torrado para acelerar o processo.

    • André says

      Oi Cristian! Boa ideia comprar amendoim já triturado e torrado, valeu pela dica. Abraços!

  8. Kaia Mendes says

    Quando vai fazer um livro Andre? In love por todo seu blog, pena que nem sempre tenho o celular a mao para ver suas receitas.

    • André says

      Oi Kaia! Fico feliz em saber que tenha gostado do blog 😀 Tenho planos sim de fazer um livro, só não faço a mínima ideia quando hahaha. Mas um dia vai ter 😉 Obrigado por demonstrar interesse. Abraços!

  9. Laís Corrêa says

    Olá. Adorei a receita, e gostaria de perguntar se dá pra fazer com sucralose (forno e fogão). Pois meu namorado é diabético mas ama pasta de amendoim.
    Amo o seu blog.
    Muito sucesso pra você.
    Laís 🙂

    • André says

      Oi Laís! Que bom que você gostou da receita. Não tenho muito conhecimento sobre a sucralose, mas até onde eu sei ela é prejudicial pra saúde, não indicaria você utilizar. Da pra fazer a pasta de amendoim sem açúcar, as vezes faço sem. Pra adoçar você poderia utilizar stévia, você conhece? Fico feliz em saber que tenha gostado do blog 😀 Abraços!

    • André says

      Oi Heloisa! Fico feliz em saber que tenha gostado do blog e das receitas 😀 Abraços!

  10. Silvia Arouca says

    olá! acabei de fazer a pasta de amendoim e ficou ótima.
    eu tostei o amendoim cru na frigideira e processei com óleo de amendoim.
    conheci seu blog hoje…com o hamburguer de shimeji, que já entrou na minha lista de ” fazer”. amei! parabéns

    • André says

      Oi Silvia! Que bom que você gostou da pasta de amendoim 😀 Deve ter ficado ótimo com óleo de amendoim. Fico feliz em saber que você gostou do blog, espero que goste do hambúrguer de shimeji. Abraços!

  11. Rafaella says

    Olá!
    Passo aqui para parabenizar o blog e agradecer por essa receitinha maravilhosa!! O processo foi exatamente como você falou, e ficou uma delícia! Meu muito obrigada e uma ótima semana!

    • André says

      Oi Rafaella! Que bom que você gostou da receita e do blog 😀 De nada querida, abraços e ótima semana pra você também!

  12. Kamila says

    Você é um fofo,de verdade! Hahahah amoooo seu blog. A forma que você descreve e adiciona detalhes é de extrema importância. Afinal,os detalhes contam e podem mudar tudo 😊❤

    • André says

      Oi Kamila! Fico muito feliz em saber que você ama meu blog 😀 Ain, que bom querida, obrigado pelo comentário maravilhoso. É verdade, os detalhes contam muito. Abraços!

  13. Andrea says

    André, fiz a pasta nesse final de semana e usei somente amendoim e mel. Como disse na óleo era opcional, não quis usar. No entanto, não ficou pasta, ficou farofa e dura. Quase uma paçoca. rsrsr

    Bati muito no processador, não entendo o porquê. Pode me ajudar?

    • André says

      Oi Andrea! Sim, o óleo é opcional mesmo. Já fiz uma vez sem usar e deu certo também. Por mais que você tenha batido um monte talvez não tenha sido suficiente, ou quem sabe a potência do seu processador não seja alta o suficiente. Difícil saber o que pode ter dado errado. Tenta adicionar um pouco de água morna na mistura pra amolecer e virar uma pasta, já que você não quer utilizar óleo. Espero que você consiga. Abraços!

      • Andrea says

        Vou tentar hoje à noite e digo amanhã. De qualquer forma, vou bater mais também.

        Obrigada pela resposta. 🙂

          • Andrea says

            Não deu. 🙁

            Comecei batendo novamente, não adiantou. Virou um bolo gigante de farofa. Então coloquei óleo e bati mais, mas virou uma coisa estranha, parecida com doce de banana, sabe? Mas a textura ainda não deu pra passar no pão, está muito grudenta. Estava melhor farofento.

            Eu quero fazer pasta de amendoim! Não consigo visualizar o que fiz de errado.

            • André says

              Que pena Andrea 🙁
              Que estranho não ter dado certo, qual é a potência do seu processador? O meu é 700 watts, talvez seja isso. O amendoim estava gelado ou em temperatura ambiente? O bom é bater quando estiver morno, assim o óleo derrete e se transforma em pasta mais fácil.

    • André says

      Oi Joseph! Fico feliz em saber que você achou legal o blog. Não hesite em fazer tudo hahaha. Abraços!

  14. Sofia Martins says

    Sugestão: fazer exactamente o mesmo só com os amendoins, ou seja, triturar somente os amendoins num processador. Tudo o resto não é necessário para a pasta de amendoim. Fica simplesmente deliciosa e natural! Parabéns pelo blogue, está brutal!

    • André says

      Oi Sofia! Já fiz sim só com amendoins, fica uma delícia né. Por isso que na receita digo que é opcional utilizar os outros ingredientes, porque só com amendoim já fica maravilhoso. Que bom que você gostou do blog 😀 Abraços!

  15. Letícia Ohanna says

    Acabei de conhecer seu blog, meu deeeus era tudoooo que eu precisava!!! Já vou chegar em cada e por no feedly e te seguir no instagram!!

    Ganhou uma leitora hushushus

    Bjooo

    • André says

      Oi Letícia! Fico muito feliz em saber que tenha gostado do meu blog. Oba! Mais uma leitora querida hehehe. Espero que goste das receitas 😉 Abraços!

    • André says

      Oi Pati! Uau, fico lisonjeado com seus elogios. Muito obrigado querida. Abraços!

  16. Perfeito. Nunca encontrei uma receita tão bem detalhada e com fotos tão lindas. Realmente inspirador <3 Vou tentar 😀

    Beijos!

    • André says

      Oi Juliana! Fico feliz em saber que tenha achado inspirador hehehe. Bom saber que pra você está detalhada a receita, espero que goste querida. Abraços!

  17. Ana says

    menino! adoro seu site.. cozinho desde pequena para ajudar a mãe, mas há algum tempo tenho estudado sobre alimentação, sobretudo depois de conhecer Sonia Hirsh, vc conhece? Ele é a maga da alimentação como fonte de cura. mas resolvi escrever pois, se vc mora em S. Paulo, tem que conhecer a Zona Cerealista. Lá da para comprar creme de amendoim sem açúcar por 12 reais o quilo. Fica na frente do mercadão!

    • André says

      Oi Ana! Uau, fico feliz em saber que você gosta do meu site. Conheço sim Sonia Hirsch, conheci seu trabalho através do programa da Bela Gil, é sensacional! Já conheço sim a Zona Cerealista, faço minhas comparas lá. Aquilo é uma paraíso hahaha. Não cheguei a ver creme de amendoim lá, mas resolvi fazer essa receita porque tinha amendoim aqui em casa fazia tempo e não sabia o que fazer. Dei essa dica de fazer a pasta em casa, porque muitas pessoas não tem uma Zona Cerealista por perto, ai acaba saindo cara a pasta de amendoim. Mas obrigado pela dica querida. Vou dar uma olhada quando for lá de novo. Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *